Português

Torre mirante – Observatório – Exposições e outros eventos culturais

Três em um

A Torre Redonda foi construída pelo rei Cristiano IV, entre 1637 e 1642.
A torre foi a primeira parte do Complexo da Trindade, que reuniu três das instalações mais importantes para os académicos do século XVII: um observatório astronómico, uma igreja para os estudantes e uma biblioteca universitária.

Copenhaga vista de cima
Do cimo da Torre Redonda – que se eleva a 34,8 metros do nível da rua – desfruta-se uma vista magnífica sobre o antigo Bairro Latino de Copenhaga. O acesso ao mirante efectua-se através de uma rampa em espiral, única, que tem 209 metros de comprimento e se enrola 7,5 vezes em torno do centro oco da torre.

A primeira biblioteca universitária
A subida ao topo faculta o acesso à esplendorosa Sala da Biblioteca, com uma área de 900 m2 e palco de diversas exposições e outros eventos culturais durante todo o ano. A biblioteca albergou em tempos toda a colecção de livros da universidade, mas fechou em 1861, quando a colecção se tornou demasiado extensa. A partir de então, a sala passou a ser utilizada como oficina e repositório, vindo a abrir ao público em 1987.

Tecto com os signos do Zodíaco
Por cima da Sala da Biblioteca, fica o Balcão do Órgão, expondo a nu as robustas vigas de pinho utilizadas na reconstrução após o incêndio de Copenhaga, em 1728. No balcão encontram-se expostos alguns objectos e artefactos relacionados com a história da torre e pinturas de céus retratando luminosos signos do Zodíaco.

O observatório em funcionamento mais antigo da Europa
O Observatório, no cimo da torre, alberga um soberbo telescópio astronómico, que permite a qualquer pessoa observar as estrelas durante os meses de Inverno e por um período limitado no Verão. O Observatório foi inicialmente construído para a universidade, que ali efectuou medições e observou cometas até 1861, ano em que mudou para um observatório novo e mais moderno.

A Bênção do Senhor
No topo da fachada da Torre Redonda existe um logogrifo desenhado pelo próprio rei Cristiano IV, cujo texto se pode interpretar como: Guie Deus sabedoria e justiça para o coração do coroado Cristiano IV, 1642.

A Piedade fortalece os reinos
O mirante da Torre Redonda é cercado por um varandim com balaustrada em ferro forjado, de 1643, onde se vê o monograma de Cristiano IV e as letras RFP, abreviatura do lema do rei: Regna Firmat Pietas – A Piedade fortalece os reinos.